Avaliação da Modificação de Peso de Puérperas em Relação ao Tipo de Aleitamento Materno: Estudo de Serie de Casos/Evaluation of Modification of Postpartum Women Weight in Relation to the Type of Breastfeeding: a Study of Cases

Daniela Vilas Boas Dias, Gislene Ferreira

Resumo


Introdução: A literatura ainda não é ampla sobre os benefícios trazidos pela lactação quando se destaca a saúde da puérpera e só recentemente começaram a aparecer evidências científicas que destacam que a mulher, mãe que amamenta, também é beneficiada em sua saúde física, psicológica e emocional. Objetivo: Avaliar um dos benefícios proporcionado pelo aleitamento materno exclusivo e sob livre demanda, que é a maior redução de peso da mãe após a gestação. Metodologia: A pesquisa foi realizada em uma Faculdade de Enfermagem de um município do sul de Minas Gerais, com um grupo de 16 lactantes. As mães foram divididas em 2 grupos (amamentação exclusiva e não exclusiva) e foram acompanhadas durante 6 meses, com aferição de altura e peso. Foi utilizado o teste t de Student para comparação entre os dois grupos. Resultados: Entre as mães que amamentaram exclusivamente seus filhos por seis meses, a média de perda de peso após esse período foi de 2,5kg e entre aquelas que forneceram aleitamento artificial, foi de 3,7Kg. No entanto, não foi identificada diferença significativa entre os grupos, com p > 0,1. Conclusão: No presente estudo, o aleitamento materno exclusivo não contribuiu para redução de peso das mães. No entanto, o número reduzido de mães estudadas pode ter influenciado na comparação entre os dois grupos.

Evaluation of Modification of Postpartum Women Weight in Relation to the Type of Breastfeeding: a Study of Cases

Introduction: The literature is not yet wide enough on the benefits brought by lactation when we consider the health of postpartum women and only recently the scientific evidence started to appear, which highlights that the woman, nursing mother, is also benefited in their physical, psychological and emotional health. Objective: To evaluate one of the benefits provided by exclusive and on demand breastfeeding, which is the greatest reduction in mother's weight after pregnancy. Methodology: The survey was conducted in a College of Nursing of a city in southern Minas Gerais, with a group of 16 infants. The mothers were divided into 2 groups (non-exclusive and exclusive breastfeeding) and were followed for a6 month period, with measurement of height and weight. We used the Student t test for comparison between the two groups. Results: Among mothers who breastfed their children exclusively for six months, the average weight loss after this period was 2,5 kg and those that provide artificial feeding, was 3,7 kg However, no significant difference was found between groups, p> 0.1. Conclusion: In this study, exclusive breastfeeding did not contribute to the weight loss of the mothers. However, the small number of women who were studied may have influenced the comparison between the two groups.

 


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21876/rcsfmit.v1i1.22

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2011 Revista Ciências em Saúde